Você está aqui: Página Inicial Proteja a Natureza Animais Em defesa dos direitos dos animais

Em defesa dos direitos dos animais

— registrado em: , ,

Cuidar bem da Mimi, levar o Rex para passear, dar comida para o Nemo ou brincar com a Tatu. Muitas crianças já sabem como é importante dar atenção e carinho aos seus animais domésticos, seja um gato, um cachorro, um peixe ou até uma tartaruga.

O valor que esses e outros animais têm na vida dos seres humanos e do planeta Terra é lembrado no Dia Mundial dos Animais, comemorado em 4 de outubro. Essa data é uma homenagem à São Francisco de Assis, padroeiro da Ecologia e conhecido como protetor dos animais.

Além dos bichinhos domésticos, outros merecem atenção por ajudar na nossa sobrevivência, como a vaca, a ovelha e a galinha. E até os mais esquisitos, como os morcegos, as lagartixas e os mosquitos têm função importante no equilíbrio entre os seres vivos e o meio ambiente. Por isso, esse é um bom momento de reforçar que os animais devem ser tratados com respeito.

No Brasil, a Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9605/98) proíbe e atribui penas a quem praticar abusos, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. Também é considerado crime contra a fauna realizar experiências cruéis em animais vivos, quando existirem recursos alternativos. Atento a isso, o Ministério Público Federal fiscaliza o cuprimento da lei e, quando necessário, faz recomendações pedindo o fim desses experimentos. Confira aqui um caso.

Para quem ainda não sabe, o tráfico de animais silvestres foi abordado em um dos vídeos da Turminha. Em linguagem informal e divertida, Rod e Munani destacam que animais selvagens não podem ser presos e que o MPF está de olho nessa situação. Esse alerta é muito importante pois tanto a caça indiscriminada como o comércio ilegal de animais selvagens são fatores que contribuem para a extinção de espécies inteiras.

Quer dar uma olhada no vídeo?

alex.gifQuem ganhou muita festa da Turminha pelo Dia Mundial dos Animais foi o Bóris, cão-guia do Alex que é respeitado por todos. Aliás, esse é um dos direitos dos animais que a Turminha quer destacar: o de existir e ser respeitado!

Confira aqui outros direitos estabelecidos pela Declaração Universal dos Direitos dos Animais, aprovada pela Unesco, que é um órgão da ONU (Organização das Nações Unidas), em 15 de outubro de 1978.
 

Fontes:

bichos.uol.com.br/leiseproteca
uol.com.br/ecokids
www.escolakids.com/dia-mundial-dos-animais.htm

Ações do documento
Ferramentas Pessoais