Você está aqui: Página Inicial O MPF - o que é isso? Atuação do MPF MPF desmonta quadrilha, e professor Ari explica como a instituição combate o crime

MPF desmonta quadrilha, e professor Ari explica como a instituição combate o crime

— registrado em: , ,

icone-ari.gifAri: Turminha, lembram que em outra aula eu expliquei para vocês como o MPF trabalha no combate ao crime?

icone-rod.gifRod: Eu lembro, professor. Você disse que o MPF trabalha para combater crimes contra a Administração Pública e outros também.

Ari: Isso mesmo. Vocês viram na TV que o MPF e a Polícia Federal, na operação chamada  “Black Ops”, descobriram uma organização criminosa ligada a uma mafia de Israel que explorava caça-níqueis, contrabandeava automóveis e ainda fazia o comércio ilegal de pedras preciosas?

icone-malu.gifMalu: Nossa, professor Ari. Eles cometeram muitos crimes, não é? Eu nem sabia que caça-níquel era ilegal.

Ari: É um crime grave. Essas máquinas afetam a economia popular e, de acordo com o Código Penal, é uma maneira de lucrar de maneira fraudulenta. A pena para isso é de seis meses a dois anos de prisão, além de multa.

icone-malu.gifMalu: Eita! É sério mesmo!

Ari: É, Malu. Por isso, a 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, a pedido do MPF no Rio de Janeiro, expediu 119 mandados de busca e apreensão e 22 pedidos de prisão preventiva.

icone-rafinha.gifRafinha: Mandado de busca e apreensão? Prisão preventiva? O que é isso??

Ari: O mandado de busca é quando a polícia, com autorização da Justiça, recolhe documentos, computadores e outras coisas para provar que o crime aconteceu. E a prisão preventiva acontece antes de uma pessoa ser julgada. Ela é presa para não atrapalhar as investigações.

icone-rod.gifRod: E como o MPF descobriu isso tudo?

Ari: Em 2010, o Ministério Público Estadual começou a investigar a tentativa de homicídio do bicheiro Rogério Andrade. Nessa investigação, descobriram a prática de crimes de competência federal. Então, parte das investigações ficaram sob responsabilidade do MPF, que comprovou que a quadrilha era ligada a membros da máfia israelense e tinha a proteção armada de policiais civis e militares do Rio de Janeiro.

icone-rafinha.gifRafinha: Agora entendi. Então esse é um bom exemplo da atuação do MPF no combate ao crime!

icone-ari.gifAri: Um ótimo exemplo, Rafinha. Os procuradores da República responsáveis pelo caso afirmaram que essa foi mais uma vitória da Procuradoria da República no Rio de Janeiro na luta constante no combate ao crime organizado, à lavagem de dinheiro e ao jogo ilegal.


 

Ações do documento
Ferramentas Pessoais