Você está aqui: Página Inicial Eleições Turminha destaca participação feminina nas eleições 2014

Turminha destaca participação feminina nas eleições 2014

— registrado em: , ,

vozita.gifVó Zita, Sol, Malu e Maressa se uniram para falar sobre a importância da participação feminina nas eleições. Elas querem destacar o trabalho do Ministério Público Federal para possibilitar presença mais igualitária às mulheres na vida política brasileira.

Uma das funções do Ministério Público é fiscalizar o cumprimento da legislação sobre a cota de candidaturas por sexo. De acordo com as regras eleitorais, cada partido ou coligação é obrigado a preencher o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo.

Essa fiscalização quer evitar também casos verificados em eleições anteriores, como partidos que lançam candidaturas femininas fictícias ou servidoras públicas que aceitam ser candidatas apenas para usufruir dos três meses de licença remunerada assegurados pela legislação.

Interessadas pelo assunto, as meninas da Turminha queriam saber: as cotas de gênero dão resultados? Por que é preciso ter mais mulheres no poder? E qual é mesmo o trabalho das deputadas, senadoras e governadoras?

Para esclarecer essas e outras dúvidas, Vó Zita consultou o material “Mais Mulheres no Poder”, produzido pela Secretaria de Políticas para Mulheres da Presidência da República. São dados e análises sobre as desigualdades de gênero em diversos tipos de espaços de poder e os princípios orientadores do Plano Nacional de Políticas para as Mulheres 2013 – 2015.

Confira o conteúdo da cartilha.

Conteúdo relacionado
Ações do documento
Ferramentas Pessoais