Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Você está aqui: Página Inicial Direitos das crianças Proteção contra o Trabalho infantil Turminha conversa sobre o Trabalho Infantil

Turminha conversa sobre o Trabalho Infantil

 

rafinha.gif

Sabe professor Ari, eu gostaria de trabalhar para ganhar meu próprio dinheiro, comprar minhas coisas sem ter que pedir para os meus pais. Fui falar com o meu pai sobre isso e ele disse que não posso, ainda sou criança e tenho que estudar e brincar.

 

Ele tá certo Rafinha. Você ainda é criança, tem que estudar mesmo. Se você começar a trabalhar agora não conseguirá ter uma educação de qualidade quando crescer.

 ari.gif
maressa.gif 

 

 

Hoje, quando eu estava indo para a escola vi um menino no sinal vendendo bala. Ele não deveria estar na escola?!

         

Mas eu não ia vender bala na rua eu ia trabalhar. Deixa eu pensar em que...xiii... não sei!

rafinha.gif
maressa.gif 

Tá vendo? Nem tem trabalho que você possa fazer, pois ainda é criança!

É mesmo, hehehe. Mas será que aquele menino que vende bala no sinal sabe que tem de estudar?

rafinha.gif
maressa.gif 

Não sei, não falei com ele. Com tanta coisa legal pra fazer, ele fica no sinal vendendo bala!

Infelizmente ainda existem muitas crianças que trabalham fazendo trabalhos de adultos ou mesmo vendendo balas para ajudar com dinheiro em casa. Outras trabalham em casas de famílias. E têm aquelas que trabalham no lixão, catam latinha, fazem malabarismo no sinal, engraxam sapatos, trabalham na roça, em carvoarias e muitas outras coisas que criança não deveria fazer.

ari.gif
maressa.gif

Mas por quê os pais dessas crianças deixam elas trabalharem?

Muitos pais sabem e deixam as crianças trabalharem dizendo que é para ajudar em casa. Para alguns, pode parecer uma ajuda valiosa, porém, não percebem que isso prejudica o futuro de seus filhos. Não conseguem entender que para terem uma vida melhor somente estudando e, além do que, criança precisa brincar, estudar, praticar esportes, passear, conviver com a família, os amigos e sonhar. Para assim ter um futuro melhor.

                                        
 ari.gif
maressa.gif

É tão bom fazer essas coisas. Adoro brincar!

É sim Maressa, mas ainda existem muitas crianças que não podem fazer todas essas coisas. Elas são obrigadas a trabalhar.

 

ari.gif
rafinha.gif

Mas ninguém pode fazer nada?

Pode sim Rod. Quando alguém perceber que uma criança é explorada pode denunciar aos órgãos competentes. Ao Ministério Público, por exemplo, que atua como fiscal da lei. Em especial, ao Ministério Público do Trabalho, que combate todas as formas de exploração no trabalho. Ainda mais os que envolvem crianças e adolescentes.

ari.gif
rafinha.gif

É professor. Existem as leis que garantem os direitos das crianças para que elas não sejam exploradas e maltratadas. O Estatuto da Criança e do Adolescente, por exemplo.

Isso mesmo Rafinha. Todas as crianças têm direito a ter uma vida saudável, com educação e lazer. E você Rod deve se orgulhar de poder estudar e brincar, pois, infelizmente, muitas crianças não estudam porque estão trabalhando.

ari.gif

 

rafinha.gif

 

É mesmo professor. Agora não vou mais inventar de trabalhar. Só quando eu ficar adulto.

 

 

O tempo é de estudar e me divertir muito, hehehehehehe.

 

 maressa.gif
rafinha.gif

 

 

 

Mas professor em casa ajudo minha mãe a lavar louça e arrumo minha cama. Isso é trabalho infantil?

         

 

Claro que não Rafinha, você pode arrumar seu quarto, ajudar em algumas tarefas de casa como secar a louça. Não pode é só fazer isso e deixar de estudar e brincar. Pois muitas crianças são obrigadas a fazer todos os serviços domésticos como: cozinhar, passar, lavar toda a casa, mexer com produtos de limpeza, cuidar de bebês etc. Ajudar em uma coisa e outra não é trabalho infantil. Entendeu?

ari.gif 
rafinha.gif

 

Entendi professor. Arrumar o quarto não é tão pesado assim, ainda mais porque sou eu que faço a bagunça, rs.

 

 

Isso mesmo Rafinha. Eu ajudo minha mãe a varrer a casa e arrumo meu quarto, depois estudo e brinco muito.

maressa.gif
Ações do documento
Ferramentas Pessoais